Alerj deve soltar Picciani, Melo e Albertassi após terem passado noite na prisão com Sérgio Cabral

17/11/2017 06:54:52
Compartilhar
Picciani, Paulo Melo e Albertassi podem ganhar a liberdade rápido

Os deputados estaduais Jorge Picciani, Paulo Melo e Edson Albertassi, todos do PMDB, passaram a noite presos na Cadeia Pública onde o ex-governador está recolhido. A prisão dos três políticos envolvidos acusados de corrupção deve ser muito breve. A expectativa é que possam ganhar liberdade e retomarem seus mandatos na Alerj (Assembleia Legislativa) nas próximas horas. Isso, graças aos seus companheiros do Legislativo do Estado do Rio.

A prisão dos três deputados será submetida à Assembleia Legislativa do Rio (Alerj), como prevê a Constituição. A Alerj já foi notificada da decisão judicial e convocou uma sessão extraordinária às 15h desta sexta-feira, 17, para avaliar a prisão.

A votação será aberta e, de acordo com a assessoria de imprensa da Assembleia, o resultado depende de maioria absoluta, ou seja, metade mais um dos deputados, o que corresponde a 36. O quórum mínimo para abrir a sessão também é de 36. A expectativa é que, no mínimo, 39 dos 70 deputados votem pela liberdade dos peemedebistas.

A conferir!

Compartilhar