Câmara encerra recesso, homenageia OAB, muda horário e discute salário

02/08/2016 10:01:23
Compartilhar
Márcio Damasio, presidente da Câmara de Friburgo

Terminou nesta terça-feira, 2 de agosto, o recesso legislativo de 20 dias na Câmara de Vereadores de Nova Friburgo.

O segundo semestre no Legislativo promete ser agitado porque será o último do atual mandato dos 21 vereadores que, em 2 de outubro, tentarão a reeleição ou irão disputar cargos como de prefeito e vice para os exercícios de 2017 a 2020.

A primeira sessão ordinária da Câmara tem como pauta exclusiva uma homenagem pelos 50 anos da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB). A sessão será no final da tarde, mas a partir da próxima quinta-feira, 4, as reunião passarão a ser realizadas no período da manhã, a partir das 9h, por conta da campanha eleitoral.

Antes da eleição de outubro, os 21 vereadores terão que descascar um abacaxi: votar o projeto que fixa o salário do prefeito, vice e vereadores a serem eleitos em outubro e que tomarão posse em 1º de janeiro de 2017. Ainda não há uma data fixada para a matéria ser levada ao plenário.

O presidente da Câmara de Nova Friburgo, Márcio Damazio, afirmou que a tendência será a manutenção do atual valor dos subsídios pagos mensalmente aos 21 vereadores para a próxima legislatura (2017 / 2020), no valor de R$ 8.229,94.

Pelas regras atuais, os vereadores poderão reajustar o salário dos futuros parlamentares municipais para até R$ 13 mil (metade do que ganha um deputado estadual).

“Quem decidirá [o valor do salário] será o plenário”, disse recentemente o presidente da Câmara sem marcar a data da votação da matéria.

Compartilhar