Conhecido pela pobreza e violência, Floresta terá dois vereadores na Câmara de Nova Friburgo

14/10/2016 08:23:26
Compartilhar
Cascão e Marcinho, eleitos pela primeira vez

Bairro friburguense que costuma aparecer com muita frequência no noticiário policial friburguense, principalmente pela alta incidência do tráfico de drogas, e também pela carência dos moradores, o Floresta – no distrito de Conselheiro Paulino – terá dois representantes na futura composição da Câmara de Vereadores: Cascão (PDT) e Marcinho (PRB) – o primeiro morador da parte baixa e o outro da parte de cima.

Carlos Alberto Trintade, o Cascão, foi eleito com 1.701 votos e o seu futuro colega de Legislativo, Márcio José Corrêa Alves, o Marcinho, obteve 1.296 votos. Ambos foram eleitos para o primeiro mandato.

Em representatividade política, o Floresta só perde para o distrito de Campo do Coelho, que, novamente, elegeu 4 vereadores para a futura Câmara: Alcir Fonseca (PP), Márcio Damazio (DEM), Vanderléia Abrece Essa Ideia (DEM) e Joelson do Pote (PDT). Os quatro foram reeleitos em 2 de outubro.

Compartilhar