Firjan diz que Friburgo e BJ têm boas gestões e demais municípios da região estão na berlinda

19/06/2015 16:44:44
Compartilhar
Friburgo recebeu Conceito B

Nova Friburgo e Bom Jardim foram as únicas cidades da Região Centro-Norte Fluminense que receberam boa avaliação no Índice de Gestão Fiscal (IFGF), divulgado pelo Sistema Firjan. As duas cidades receberam Conceito B, enquanto as demais foram reprovadas – Conceitos C ou D. O IFGF relativo ao ano fiscal de 2013 foi divulgado na quinta-feira, 18, avaliando a situação fiscal de 5.243 municípios.

O IFGF é composto por cinco indicadores – Receita Própria, Gastos com Pessoal, Investimentos, Liquidez e Custo da Dívida. O índice é uma ferramenta de controle social que tem como objetivo estimular a cultura da responsabilidade administrativa, possibilitando maior aprimoramento da gestão fiscal dos municípios, bem como o aperfeiçoamento das decisões dos gestores públicos quanto à alocação dos recursos.

Lançado em 2012, o IFGF traz o debate sobre um tema de grande importância para o país: a forma como os tributos pagos pela sociedade são administrados pelas prefeituras. O índice é construído a partir dos resultados fiscais das próprias prefeituras – informações de declaração obrigatória e disponibilizadas anualmente pela Secretaria do Tesouro Nacional (STN).

REGIÃO CENTRO-NORTE FLUMINENSE
CONCEITO A
Nenhum município

CONCEITO B
Nova Friburgo – 14º no Estado e 369º no Brasil
Bom Jardim – 17º no Estado e 581º no Brasil

CONCEITO C
Carmo – 35º no Estado e 1.413º no Brasil
Cantagalo – 54º no Estado e 1.942º no Brasil
Cachoeiras de Macacu – 56º no Estado e 2.050º no Brasil
Sumidouro – 66º no Estado e 2.571º no Brasil
Cordeiro – 70º no Estado e 2.6567 no Brasil
Macuco – 72º no Estado e 2.759 no Brasil

CONCEITO D
Trajano de Moraes – 78º no Estado e 3.756º no Brasil
Santa Maria Madalena – 79º no Estado e 3.783º no Brasil

NÃO AVALIADOS
Duas Barras e São Sebastião do Alto

Compartilhar