Fazenda que pertenceu ao Barão de Nova Friburgo está à venda: R$ 25 milhões

24/03/2015 18:35:28
Compartilhar
Vista da Fazenda Areias oferecida no site da Alianza Imóveis

Alto padrão de luxo, requinte e extremo bom gosto. São 16 suítes e 16 salas, chafariz e árvores centenárias, piscina semiolímpica, milhares de pés de café, cabeças de gado… Estes são apenas alguns atrativos da Fazenda Areias, localizada no distrito cantagalense de Boa Sorte, que está à venda por R$ 25 milhões. A propriedade centenária é histórica: foi construída pelo Barão Nova Friburgo – antigo proprietário do Palácio do Catete, no Rio de Janeiro, e de inúmeras propriedades em Nova Friburgo.

Considerado um dos imóveis mais caros da Região Serrana, o negócio está sendo oferecido pelo site Alianza Imóveis, de Belo Horizonte (MG).

A fazenda é conhecida pelo seu valor histórico e foi onde a família real realizava grandes eventos na época do Império. O local também é conhecido por possuir uma jabuticabeira plantada pela Princesa Isabel.

Para a construção da sede da Fazenda de Areias, em meados do século XIX, o barão contratou os serviços do engenheiro holandês Jacó Van Erven, que, mais tarde, se tornou seu sócio e administrador de várias fazendas da família.

Na partilha dos bens, a Fazenda de Areias coube a seu filho, Antônio Clemente Pinto Filho, 2° barão, visconde e depois conde de São Clemente, capitalista que terminou as obras da ferrovia iniciadas pelo pai. Ao se aposentar, em 1888, foi morar na fazenda.

Com a morte do conde, em 1912, Areias foi herdada por sua filha, Maria José de São Clemente, casada com Augusto de Faro Carvalho. Herdeiro deste último, Edgard Faro manteve a propriedade por muitos anos, vendendo-a, depois, a Bernhardt Winkler, criador de gado guzerá.

Atualmente, a Fazenda de Areias pertence a Sílvia Oliveira, que reformou e restaurou toda a fazenda, considerada uma das mais bonitas e representativa da região.

Fonte: Jornal da Região

Compartilhar