Preso terceiro acusado de matar funkeiro em casa noturna de Friburgo

12/05/2015 11:05:28
Compartilhar
Carro utilizado na execução de Mc Baiano

A Polícia Rodoviária Federal (PRvF) prendeu na madrugada desta terça-feira, 12, na Rodovia Presidente Dutra, no município paulista de Pindamonhangaba, o friburguense Levi Lopes de Azevedo Junior. A informação foi divulgada pelo comando do 11º BPM que explicou que contra Levi havia um mandado de prisão por envolvimento no homicídio do funkeiro Diego Mendonça, o MC Baiano, ocorrido em Nova Friburgo, em março passado. O crime aconteceu num posto de gasolina, na saída de uma casa noturna, próximo ao 11º BPM e a 151ª DP.

Ele é o terceiro suspeito preso por participação no assassinato. Recentemente, a PM havia prendido em Nova Friburgo Thayverson Rosa Dutra, 24 anos, e Alexandre da Motta Lobo, de 21 anos. As prisões foram efetuadas no Jardim Califórnia e no Edifício Itália, no Centro. Os mandados foram expedidos pela 1ª Vara Criminal de Nova Friburgo.

CRIME – O funkeiro foi executado dia 21 de março, por volta das 4h40, dentro de um posto de gasolina na Avenida Presidente Costa e Silva, no bairro Vila Nova, onde também funciona uma casa noturna. O crime na ocasião foi considerado audacioso por ter ocorrido a poucos metros do Batalhão de Polícia Militar e da Delegacia de Polícia de Nova Friburgo.
MC Baiano ganhou o apelido por cantar “funks proibidões”. Ele estava acompanhado da namorada que, segundo a polícia, nada sofreu. A vítima morreu na hora depois de ter sido atingida por três dos cinco tiros disparados por ocupantes de um veículo Verona branco – abandonado em seguida no bairro Village.

Compartilhar