Ypu: Justiça Federal devolve corrigido valor de 16 milhões que havia sido pago pela Prefeitura

04/11/2014 16:11:05
Compartilhar
Prefeitura diz que não desistiu de comprar a Fábrica Ypu

A Prefeitura receberá de volta R$ 15.920.040.51 que havia depositado judicialmente para comprar o prédio da Fábrica Ypu. O valor será corrigido monetariamente a partir da data do depósito, em maio, quando o montante foi repassado à Justiça Federal para a compra do prédio no Bairro Ypu.

Na semana passada, o juiz da 1ª Vara Federal de Nova Friburgo, Eduardo Souza, julgou procedente os embargos apresentados pelos representantes da Fábrica Ypu Artefatos de Tecidos e decidiu pela nulidade de arrematação do prédio da empresa.

A devolução do valor investido na compra do imóvel não significa que o governo municipal irá desistir de adquiri-lo em um futuro leilão judicial. É o que garante o prefeito Rogério Cabral que, em entrevista coletiva nesta quarta-feira, 4, disse que o governo municipal vai se preparar para tentar arrematar o prédio para utilizá-lo para reestruturação física da Prefeitura e ainda ceder parte dele para a Universidade Federal Fluminense (UFF) implantar novos cursos, inclusive, o de medicina.

A Prefeitura anunciou que utilizará a verba devolvida pela Prefeitura para tocar diversos projetos. Para participar de futuro leilão de compra da Fábrica Ypu, o governo municipal pretende vender o prédio ocupado pela concessionária Águas de Nova Friburgo, em Duas Pedras, e se desfazer de ações da Energisa. O prefeito acrescentou que, oportunamente, encaminhará nova mensagem ao Legislativo para pedir autorização prévia para formalizar toda a negociação destes ativos.

Compartilhar