ANP diz Friburgo tem o gás de cozinha mais caro do RJ

04/09/2021 07:45:45
Compartilhar
Friburgo: Preço médio é de R$ 102, mas chega a R$ 110

PREÇO DEVE SUBIR MAIS 7% NAS DISTRIBUIDORAS


O botijão de gás deve ficar, em uma média nacional, 7% mais caro agora em setembro. A alta pode chegar no bolso do consumidor até o dia 10, segundo a Associação Brasileira de Entidades de Classe das Revendas de Gás LP (Abragas). O aumento será por conta de reajustes salariais e reposição de perdas nos setores de distribuição e revenda.


De acordo com matéria publicada pelo Jornal Extra, Nova Friburgo tem a média de preço mais cara do gás de cozinha no Estado do Rio, segundo levantamento da ANP – Agência Nacional de Petróleo.


No município do Rio, o botijão de 13 kg está sendo vendido em média por R$ 87, segundo a Agência Nacional de Petróleo. No estado do Rio, o maior preço médio do botijão é praticado em Nova Friburgo (R$ 102,22). Vale destacar que, consumidores friburguenses garantem que estão pagando R$ 110 pelo gás entregue em casa.


Na Região Metropolitana, Nova Iguaçu (R$ 85,31), Duque de Caxias (R$ 81,66) e São João de Meriti (R$ 84,17) têm preços menores do que o da capital. Niterói (R$ 77,85) e São Gonçalo (R$ 84,75) também ficam atrás.

fonte: Jornal Extra

Compartilhar