Câmara discute projeto para mudar lei e impedir serviço da Uber em Friburgo

08/12/2017 11:22:13
Compartilhar
Uber tem planos de se instalar no município em breve

A ofensiva da Uber de se instalar em Friburgo pode encontrar sinal vermelho da Câmara de Vereadores. Esta semana, foi protolocado projeto alterando lei municipal “proibindo serviços de plataformas de tecnologia, carona remunerada, atividade de prestadora de serviços eletrônicos de informação na área de transporte privado urbano” no âmbito de Nova Friburgo. Ou seja, proibindo a Uber de prestar serviços no município.

O projeto proibindo a Uber foi protocolado pelo vereador Professor Pierre, do Psol, mas com coautoria de vários vereadores, “dois terços da Câmara”. Ou seja, a autoria de, pelo menos, 14 vereadores.

O projeto começou a tramitar no Legislativo, porém, ainda não tem data para ser votado – não está descartada a hipótese de ser pautado para o período de recesso, em regime extraordinário. Caso seja aprovado, ainda assim terá que passar por sanção do prefeito Renato Bravo.

Entre as diversas considerações contrárias à Uber, o projeto cita a “concorrência desleal e injusta” do serviço de plataforma tecnológica com os táxis e transporte público.

Em recentes encontros em Friburgo, a Uber já está cadastrando parceiros para começar a atuar no município em breve. As reunião da Uber aconteceram no Hotel Fabris, na Avenida Alberto Braune.

Compartilhar