Caso Camila ainda sem solução

24/10/2014 17:23:36
Compartilhar
Camila de Castro: caso ainda sem solução

A Polícia Civil encaminhou para o Ministério Público o inquérito que investiga a morte da balconista Camila de Castro, de 23 anos. O caso completa dois meses nesta sexta-feira, 24. A Polícia Civil pede mais tempo para esclarecer o caso.
A morte inicialmente foi registrada na 151ª DP como “estupro com resultado morte”, sendo que, posteriormente, a linha investigativa trata o caso como suposto “atropelamento”. 
O corpo de Camila foi encontrado na Praça Getúlio Vargas ainda com vida. Socorrida pelo Corpo de Bombeiros, ela veio a morrer no Hospital Raul Sertã.
Diante da grande repercussão do episódio e das informações contraditórias, lideranças comunitárias chegaram a realizar um ato público cobrando esclarecimentos sobre o trágico episódio.

Compartilhar