Chuva de meteoros tem auge quarta e quinta e deve ser visível

11/08/2021 10:32:27
Compartilhar
Espetáculo no céu é sempre aguardado (foto: arquivo)

Fenômeno acontece todos os anos por causa da movimentação da Terra no espaço. Entre os meses de julho e agosto, ela passa perto dos destroços deixados pela passagem do cometa Swift-Tutle. O fenômeno será visível em grande parte do Brasil.

A chuva de meteoros Perseidas alcançará seu pico nesta quarta- feira (11) e quinta-feira (12).
A chuva de meteoros foi batizada de Perseidas em homenagem a constelação de Perseu, uma vez que os especialistas acreditam que estrelas cadentes irradiem desta constelação.

COMO AS CHUVAS DE METEÓROS OCORREM


A chuva de meteoros acontece quando o nosso planeta atravessa o rastro de poeira e detritos deixado por um cometa ao se aproximar do Sol.

No caso de Perseidas, a Terra cruza o caminho feito pelo cometa Swift-Tutle, que gira em torno do Sol a cada 133 anos.

Em sua trajetória solar, o cometa deixa resquícios, que se acumulam ao longo dos anos. Quando a Terra cruza com a trajetória feita pelo cometa, alguns desses destroços entram na atmosfera terrestre a uma velocidade de 59km por segundo, fazendo com que queimem, deixando um rastro de luz atrás de si.

Compartilhar