Friburgo: 151ª DP investiga morte de cabeleireiro; “nenhuma hipótese será descartada”, diz delegado

01/06/2021 08:30:54
Compartilhar
Cabelereiro morreu no HMRS / Friburgo – Foto: G1 Região Serrana

” A 151ª DP / Nova Friburgo, através seu delegado titular Henrique Pessoa, informa À população friburguense que, com relação à morte de Leandro Louback, o inquérito já foi instaurado e nenhuma hipótese será descartada. O feito está sob sigilo e ainda não há laudo disponível. Não tenham dúvidas que a investigação será séria e comprometida, como tem sido a atuação da nossa unidade em temas sensíveis. Gratos pela confiança”. A nota oficial foi divulgada pela unidade da Polícia Civil.

O cabelereiro Leandro Louback, de 26 anos, foi encontrado desacordado no fim da noite do dia 18 de maio às margens da RJ-130 (Friburgo / Teresópolis). Segundo o Corpo de Bombeiros, o registro foi dado como atropelamento, mas amigos acreditam que ele tenha sido vítima de agressão por homofobia. Ele estava internado no Hospital Municipal Raul Sertã (HMRS) e morreu na noite de domingo, 30 de maio.

Um familiar de Leandro. Ele contou que a vítima tinha o costume de fazer o percurso de Campo do Coelho (3º distrito) até o centro da cidade, a pé, seguindo pela RJ-130. Ainda de acordo com o familiar, a mãe da vítima está desolada com a morte do filho. A família recebeu a notícia de um vizinho, acompanhada de uma foto de Leandro ainda no local onde foi encontrado.

“A mãe dele está desolada, acabada. Recentemente ela perdeu o pai, depois o marido e agora ela perde o filho. Ela está muito abalada”, disse o parente à reportagem do site G1 / InterTv.

O enterro de Leandro aconteceu no fim da tarde desta segunda-feira, 31 de maio, no Cemitério de Patrocínio.

Compartilhar