Lei Seca realizará operação móvel para ajudar a brecar rotas de fuga

03/02/2020 08:59:18
Compartilhar
Lei Seca em Friburgo (foto: arquivo)

Por Jornal O Dia

Para os motoristas que insistem em beber e dirigir, aí vai um alerta: a Operação Lei Seca mudou e com equipes móveis para fiscalizar mais locais em todo o estado do Rio.

A blitz móvel tem uma estrutura menor que a tradicional, já conhecida da população, e terá maior mobilidade para mudar de local rapidamente.

Esse formato irá permitir a fiscalização em vias menores. O objetivo da Operação Lei Seca, que tem mais de 10 anos de atuação no Rio de Janeiro e mais de 90% de aceitação popular, é o de preservar vidas.

“Além da Lei Seca diurna, agora temos a Lei Seca móvel, que é um braço menor da Operação para que ela possa identificar aqueles que tentam fugir das blitzes usando aplicativos. Os agentes vão se deslocar e circular pelas adjacências onde a fiscalização principal estará instalada para flagrar motoristas que tenham optado por rotas alternativas “, explicou o secretário de Governo, Cleiton Rodrigues.

Desde que iniciou, em 19 de março de 2009, a Operação Lei Seca realizou 16.393 ações educativas de conscientização, 24.571 blitzes de fiscalização, abordou mais de três milhões de motoristas e flagrou 208.869 mil pessoas dirigindo após o consumo de álcool.

A Operação Lei Seca, coordenada pela Secretaria de Estado de Governo e Relações Institucionais, está realizando também a Operação Verão com blitzes diurnas de fiscalização e conscientização nos principais acessos às praias, áreas de lazer e cachoeiras em toda a Região Metropolitana e Interior do estado. A Operação Verão vai até depois do Carnaval.

Compartilhar