PM acha armas usadas por dupla para cometer latrocínio e estupro

19/08/2016 10:53:00
Compartilhar
Espingardas usadas pelos criminosos, um delas de uso restrito (imagem: Folha Itaocarense)

Duas espingardas – uma delas de uso restrito das Forças Armadas – foram apreendidas por policiais militares do 11º BPM nesta quinta-feira, 18, na casa do tio de um dos dois homens presos esta semana em Cordeiro acusados pelo latrocínio de Jovenilton Estevão Santana, de 54 anos, e do estupro de sua namorada, de 39 anos.

O crime de grande repercussão regional ocorreu domingo, 14, numa estrada vicinal de Monnerat, distrito de Duas Barras, e os dois acusados – identificados pelas alcunhas de Chouriço e Babão – foram presos dois dias depois em Cordeiro.

Segundo a PM, as duas armas, provavelmente, foram utilizadas pelos criminosos para render o casal. As duas espingardas estavam na casa do tio de Babão, no bairro conhecido como Manacial, em Cordeiro. O tio de Babão, segundo a polícia, já tem várias passagens pela polícia.

Anteriormente, além de prender os dois acusados do rumoroso crime, a PM já havia recuperado dois veículos – um Fusca utilizado pelos bandidos e o Gol em que estava o casal e havia sido levado pelos bandidos.

Compartilhar