Prefeito aceita tarifa de R$ 4,20 e subsídio de R$ 400 mil por mês para Faol

01/09/2021 07:52:21
Compartilhar
Nova Faol firmou acordo para permanecer em Friburgo

PREFEITURA TAMBÉM SUSPENDE DÍVIDAS DA EMPRESA –


Nesta terça-feira, 31 de agosto, o governo Johnny Maycon e representantes da Nova Faol acertaram, enfim, um contrato emergencial de 12 meses, até que a Prefeitura consiga realizar a licitação para a exploração do transporte público no município.


O acordo foi firmado durante audiência na Justiça – intermediada pelo juiz Fernando Luis Gonçalves de Moraes e promotora do Ministério Público, Claudia Canto Condack. O contrato emergencial prevê que o valor da tarifa permanecerá em R$ 4,20 com subsídio de 400 mil por mês pago pela Prefeitura à Nova Faol. Os valores oferecidos anteriormente à Itapemirim Group (que desistiu do contrato) eram R$ 4,15 (tarifa) e R$ 290 mil (subsídio).

Pierre Moraes (Governo), Johnny Maycon (prefeito) e Serginho (vice): acordo com a Faol


“Ainda está previsto no acordo a realização de uma perícia judicial para apurar os possível desequilíbrio em desfavor de uma das partes para que seja realizado o acerto no futuro e também haverá suspensão temporária de tributo municipal para garantir o 13º dos funcionários da empresa, destacando que o mesmo será pago no momento posterior, não sendo portanto renúncia de receita”, disse Johnny Maycon em postagem nas suas redes sociais.


E acrescentou: “…o acordo firmado é satisfatório em proteção aos cofres públicos e garantia jurídica que não havia desde setembro de 2018”, acrescentou o prefeito.

Compartilhar