Friburgo: Briga entre mulheres na rua repercute nas redes sociais

13/03/2022 19:32:46
Compartilhar

ESCOLA DE SAMBA EMITE NOTA OFICIAL E RECHAÇA O FATO EM VIA PÚBLICA AO NOME DA AGREMIAÇÃO –


Um vídeo mostrando uma briga entre mulheres em via pública no bairro de Olaria, durante este final de semana, viralizou nas redes sociais de Nova Friburgo. O vídeo de 39 segundos mostra cenas lamentáveis de uma confusão generalizada envolvendo vários jovens, em especial, algumas mulheres, com puxões de cabelos, socos, tapas, empurrões… etc. Uma das envolvidas teve o vestido rasgado e ficou com os seios à mostra. No vídeo é possível ver ainda a chegada de uma viatura do 11º BPM, o que dispersou os presentes no lamentável episódio. A PM não se pronunciou ainda sobre o ocorrido.


Neste domingo, a Escola de Samba Imperatriz de Olaria e a organização de um evento popular que ocorreu na quadra da agremiação emitiram nota oficial em face à repercussão do referido vídeo (íntegra abaixo).


NOTA OFICIAL DA IMPERATRIZ DE OLARIA


A GRES Imperatriz de Olaria vem por meio desta esclarecer fatos envolvendo o nome da agremiação de maneira equivocada.


No dia 11/03/22, foi realizado evento privado e na saída deste, ocorreu uma briga envolvendo algumas pessoas, FORA da escola, que tomou uma proporção lamentável.


Cabe ressaltar que a Escola já estava fechada, em que todos os funcionários da organização do evento já tinham ido embora, mas, mesmo assim, insistem em associar a briga ocorrida ao nome da escola e a organização do evento que tanto se preocupa com a segurança de todos, haja vista a presença de 13 seguranças, durante todo o evento.


Sabemos que a cultura do carnaval e até mesmo de determinamos estilos musicais é enfrentada por uma parcela da sociedade com preconceito, porém, não podemos generalizar e culpar determinadas pessoas por conta de outras que não sabem ter postura em uma saída de evento e se utilizando da situação para criar brigas e desentendimentos. Ressaltamos que ocorrem brigas em diversas festas, da classe média alta até a classe mais baixa e não vemos a mesma proporção utilizada com o fato supracitado.


A Imperatriz de Olaria e a organização do evento repudiam qualquer ato de agressão física e verbal, lamentamos muito o ocorrido, porém, exigimos que o fato seja tratado com justiça e bom senso.


Trabalhamos muito em prol do entretenimento, do carnaval e de viabilizar o direito do lazer a todos, sem distinção de classe social, e não merecemos que a atitude de algumas pessoas se resuma e sobrecaia a escola e aos organizadores do evento, uma vez que todas as medidas internas foram tomadas e não tivemos nenhum problema dentro do evento, pelo contrário, este fato foi ocorrer na proximidades já distante da entrada da quadra.


Dessa forma, solicitamos que qualquer situação referente a isso não seja mencionada de maneira equivocada o nome da escola e a organização do evento, uma vez que não temos nada a ver com o ocorrido. Estaremos monitorando o conteúdo dos comentários e se entendermos pertinente, tomaremos as devidas providências legais para cessar tal situação.


Diretoria da Imperatriz de Olaria e Organização do Evento.

Compartilhar