Mapa de Risco da covid: Estado coloca Região Serrana em bandeira verde

08/01/2022 08:17:08
Compartilhar
MAPA DE RISCO DIVULGADO PELO GOVERNO RJ EM 7/1/2021

por SECOM SES-RJ
A 63ª edição do Mapa de Risco da Covid-19, divulgada nesta sexta-feira (07.01) pela Secretaria de Estado de Saúde (SES), mostra que as regiões Metropolitana II, Baixada Litorânea, Serrana, Noroeste e Centro Sul estão classificadas em bandeira verde. Já as regiões Metropolitana I, Baía de Ilha Grande, Médio Paraíba e Norte ficaram em bandeira amarela. Na classificação geral, o estado se mantém em bandeira verde. A análise compara as semanas epidemiológicas 51 (de 19 a 25 de dezembro) e 49 (de 05 a 11 de dezembro).

A partir de meados da 52ª semana epidemiológica (de 26 de dezembro a 01 de janeiro), foi identificado um aumento repentino na taxa de positividade dos testes de RT-PCR para detecção da Covid-19. A taxa passou de 1,4%, no fim de dezembro, para mais de 20% nos primeiros dias de janeiro. Esse aumento ainda não se reflete nesta edição do mapa de risco, que traz dados de semanas anteriores. Importante ressaltar que os indicadores utilizados para análise do mapa levam em consideração a capacidade instalada (leitos e taxa de ocupação) e o aumento no número de óbitos e internações, além da taxa de positividade. Até o momento, esses dados não apontam para uma piora da situação de risco da Covid-19, sendo reflexo do avanço da vacinação em todo o estado.

Estamos diante da circulação de uma nova variante com alta capacidade de transmissão. Porém, até o momento, não estamos vendo um agravamento dos casos, que em geral se apresentam de forma leve e até sem sintoma. Parte disso se deve ao grande percentual da população imunizada. Por isso, é extremamente importante que o calendário vacinal seja observado com atenção. Quem ainda não tomou a segunda dose deve procurar um posto de saúde o mais rápido possível, assim como as pessoas que já podem receber a dose de reforço – diz o secretário de Estado de Saúde, Alexandre Chieppe.

No estudo da SES, cada bandeira representa um nível de risco e um conjunto de recomendações de isolamento social, que variam entre as cores roxa (risco muito alto), vermelha (risco alto), laranja (risco moderado), amarela (risco baixo) e verde (risco muito baixo). Os resultados apurados para os indicadores apresentados devem auxiliar a tomada de decisão, além de informar a necessidade de adoção de medidas restritivas, conforme o nível de risco de cada localidade.

Compartilhar